Mostrando postagens com marcador Argentina. Mostrar todas as postagens

Esquina Homero Manzi e a noite de tango em Buenos Aires

Nenhum comentário
A capital Argentina é muito além de futebol e tango, mais aqui pra nós, a noite de tango é obrigatória para a imersão a cultura Argentina. 

O café deve seu nome ao famoso letrista Argentino .

Fomos conhecer a esquina de San Juan e Boedo, um lugar histórico e tradicional da capital Portenha. O bar foi construído em 1927 e tornou-se símbolo de cultura em 1940.
Passou por diversos proprietários e nomes , foi em 1981 , que passou a chamar-se de Esquina Homero Manzi, mas em março de 1999, fechou suas portas. Felizmente, em 2001, reabriu. Em 2004, foi declarado Café Notable pelo Governo da Cidad. 

 


Atualmente ministram aulas de tango e há espetáculos. A cozinha é bem portenha e conta com uma adega com as melhores etiquetas das adegas mais importantes do país recebendo.


A esquina Homero Manzi, tem pacotes turísticos com transporte ida e volta dos hotéis da capital, um jantar tradicional de especialidades Argentinas que inclui entrada, prato principal e sobremesa com bebida liberada sendo o vinho 1 garrafa a cada 2 pessoas. 
                     


Após o jantar, as luzes diminuem e começa o envolvente show. As mesas são organizada de maneira que ninguém fica de costa.
 

Sabe quando você não consegue tirar os olhos do show? Pois é! Eu não conseguia parar de olhar e aplaudir. Movimentos perfeitos, figurino impecável.
Valor de tudo isso ? 
 8 mil pesos Argentino,que em reais deu em torno de 250 , mais valeu cada centavos pela experiência .
Esse é um tipo de espetáculo que merece a nossa atenção, ao menos uma vez na vida.



Para acompanhar nossas viagens e atividades siga no   INSTAGRAM - FACEBOOK


Você faria turismo em um cemitério?

10 comentários
O turismo em cemitério tem ganhado destaque e o foco é a exploração do patrimônio artístico e arquitetônico e a busca de personalidades.



Em Buenos Aires visitei o cemitério da Recoleta, a visita faz parte de um tour pelo bairro mais nobres da capital Argentina .
Essa foi minha primeira experiência , pois os cemitérios não costumam ser um local que coloco em meus roteiro, uma experiência um tanto diferente e cheia de história.


Conhecido por ser um dos cemitérios mais visitados do mundo, inaugurado em 1822 , em quase  seis hectares  de terra e considerado um museu pelo grande numero de obras de artes encontradas por lá e pelos restos mortais de personalidades famosas na politica como Eva Peron , ex-primeira dama Argentina que defendeu as causas femininas  e as classes menos favorecidas, atriz e líder política que morreu aos 33 anos.


Esse é um dos principais pontos turísticos de Buenos Aires , sendo as sepulturas de propriedade de cada família e cada proprietário deve pagar uma taxa mensal de administração , sendo ali O metro quadrado mais caro da cidade. 

Na visita guiada ,algumas histórias surreais:

Em 1970, Liliana Crociati morreu numa avalanche durante sua lua de mel na Áustria, na cidade de Innsbruck. No mesmo dia, separado por mais de 14 mil quilômetros de distância, seu cachorro Sabú também faleceu.

Seu pai fez um mausoléu que imita o quarto que Liliana tinha em vida. Sua escultura é a única do cemitério acompanhada por um cachorro.



Em uma das esquinas do cemitério da Recoleta está uma das tumbas mais belas, a de Rufina Cambaceres, filha do escritor Eugenio Cambaceres.

Diz a história que na noite que a menina fazia 19 anos, sua mãe faria uma grande comemoração e a levaria para o teatro, apresentando Rufina para a sociedade.

Porém, antes de sair, a menina foi encontrada morta, toda rígida no chão. Um médico confirmou sua morte e no dia seguinte ela foi enterrada. Alguns dias depois, os empregados do cemitério encontraram seu caixão aberto com a tampa quebrada.

A versão oficial diz que foi um roubo, mas o provável é que a Rufina tenha sofrido um ataque de catalepsia e acordado dentro do sepulcro, já que foram encontrados vários arranhões na parte interior do caixão.

Uma estátua mostra a menina segurando uma espécie de maçaneta da tumba, como se quisesse sair ou entrar do mundo dos mortos.


Os jardins que rodeiam o cemitério constituem uma área de lazer muito popular entre os portenhos e fazem parte desse roteiro , como a feirinha da Recoleta.

Me conte nós comentários , oque você achou deste diferente roteiro turístico?

Para acompanhar nossas viagens e atividades siga no INSTAGRAM - FACEBOOK


El Ateneo Grand Splendid

10 comentários

Olhando de fora não parece que vamos entrar  na mais  importante livraria de Buenos Aires e porquê não dizer da América Latina.


A livraria El Ateneo Grand Splendid foi escolhida pelo jornal britânico “The Guardian” como a segunda mais importante do mundo.



 Construída dentro do histórico cinema e teatro Grand Splendid, no bairro da Recoleta, esta original livraria conserva seu antigo esplendor e elegância, com a cúpula decorada com afrescos, as varandas originais e sua decoração intacta.



No antigo cenário com a cortina de veludo entreaberta funciona um bar que convida a sentar-se, livro na mão. 

Também é possível aproveitar os sofás que estão de ambos os lados da sala principal ou alguma das pequenas salas de leitura onde antes estavam os exclusivos palcos. No subsolo há um setor dedicado aos livros infantis e o andar superior às mostras e exposições.



De segunda a quinta das 9 hs às 22 hs. Sextas e sábados das 9 hs às 00hs. Domingos das 12 hs às 22 hs.



Catedral Metropolitana de Buenos Aires

7 comentários

Localizada em frente à Plaza de Mayo , junto com a Casa Rosada e o Cabildo , formam um “pacote” turístico obrigatório na programação de qualquer visitante.

A Catedral é por si só um incrível ponto turístico, mas tornou-se ainda mais atrativa por ser a Arquidiocese do Papa Francisco .

 A Catedral funciona também como museu de honra ao Papa Francisco, pois desde 1998 e até sua consagração como Sumo Pontífice em 19 de março de 2013, Jorge Bergoglio foi Arcebispo de Buenos Aires e o encarregado de conduzir a Arquidiocese.

 Dispõe de um serviço de visitas guiadas e de áudio guias em diferentes idiomas , onde o visitante poderá encontrar objetos pessoais e litúrgicos que foram utilizados pela pastoral na cidade durante seu Ministério. 

O horário da igreja é de segunda à sexta-feira das 08:00h às 19:00h horas e sábados e domingos das 09:00h às 19:30h.


Marco das três fronteiras : Brasil, Argentina e Paraguai

14 comentários


O Marco das Três Fronteiras é um obelisco e ponto turístico localizado nas cidades de Foz do Iguaçu, Puerto Iguazú e Presidente Franco referente ao local de divisa territorial respectivamente entre o Brasil, Argentina e o Paraguai.  
Esse é um dos lugares mais charmoso de Foz do Iguaçu, onde proporciona uma das melhores e mais marcantes experiências na Terra das Cataratas.
                       

Desse local é  possível ver 3 países ao mesmo tempo . Além de visualizar a foz do rio Iguaçu no rio Paraná. 

Tem um complexo turístico que lembra as ruínas jesuíticas  , um encantador por do sol  e show que passa pela cultura dos 3 países da tríplice fronteira.


O memorial  cabeça de vaca é uma grande sala de projeção que conta a história da fronteira entre os três países dos seus rios e do desbravador Alvar Nunes cabeça de vaca , capitão Espanhol ,que foi guiado por índios Guaranis , para demarcar Foz do Iguaçu.


O complexo conta com uma completa praça de alimentação servindo chopp, agua e  alguns quitutes e um restaurante de nível internacional .

Visitar o Marco é garantia de viver momentos inesquecíveis com os cenários incríveis neste ponto mágico do planeta, onde o Brasil faz fronteira com a Argentina e o Paraguai.


  



Para acompanhar nossas viagens e atividades siga no INSTAGRAM - FACEBOOK

Conhecendo Purmamarca e o Cerro de los Siete Colores na Argentina

15 comentários
bY Márcia Schorn



Ainda na Argentina , depois de visitar a cidade de Salta e o teleférico san Bernardo, com a Expedição pela América , nos deslocamos até Purmamarca/Jujuy para conhecer o cerro de los siete colores .



O cerro tem as sete cores extremamente bem definidas que nem parece de verdade, um lugar espetacular, muito bonito, mas o viajante deve ir preparado para encontrar um lugar bem inóspito , resumo em  um local de reflexão com paisagens incríveis.






Para todos que eu comentava,sobre Purmamarca  perguntavam , sem exeção? 

Ahn? Como? Onde fica? E depois de verem as fotos, se surpreenderam .
É ainda um roteiro muito pouco divulgado e pouco explorado por Brasileiros.



Apesar dos cerros serem a principal atração , passear pelo povoado é indispensável. Purmamarca se parece muito uma cidadezinha  Faroeste, ao pé da montanha .







Guarda-se ali, além das belas paisagens , atrações bem interessantes como a ferinha da praça que colorem a vila , bares e construções com arquitetura original do século XVII.










O local é uma verdadeira relíquia de eras passadas , além disso é surpreendentemente bem preservada.





Para ter uma dimensão real, contudo só do mirante El Porito , de onde vimos as montanhas coloridas que se espelham por todo horizonte.


O valor é simbólico , já que o peso Argentino está bem desvalorizado.(em torno de $2.00)

A cidade é pequena , mais como todo bom povoado turístico oferece muitas opções de comida e alguns bares com musicas ao vivo.


A praça central fica tomada de turistas e 
eu como sempre prefiro provar as comidinhas de rua .

Este post faz parte da Expedição América 2020.

Roteiro criado e executado pela trip tri , já tem novas datas AQUI  embarque nessa você também , é um roteiro super completo.
Permita-se
Compre através de meu link e ajude o blog a crescer. 

Jujuy - Purmamarca /Argentina

13 comentários
Jujuy é um destino pouco conhecido pelos Brasileiros , sendo uma província no noroeste remoto da Argentina, é caracterizada pelas colinas e formações rochosas impressionantes de Quebrada de Humahuaca. 



Esse vale e suas aldeias indígenas quechua ficam ao norte da capital da província, San Salvador de Jujuy. No sul do vale, as encostas rochosas do Cerro de los Siete Colores são um símbolo do local e elevam-se sobre a vila colonial espanhola de Purmamarca.


Esse é um destino imperdível , para se conhecer na Argentina .

Fui conferir veja  AQUI

Teleférico San Bernado: cidade de Salta / Arg

11 comentários
 Para você que não me acompanha aqui no blog, sai em uma expedição de 16 dias , pela América do sul , objetivo conhecer 4 Países e visitar Machu Picchu , no Peru .


Nosso primeiro tour foi na cidade de Salta , Argentina .



Através do teleférico do  cerro San Bernardo tivemos a privilegiada visão gigantesca da cordilheira dos Andes, e uma  excelentes vistas da cidade de Salta, muito boas para tirar fotos.




O subida é bem tranquila , lá em cima tem uma ferinha ,restaurante/bar e banheiros.




 O custo pode ser para ida e volta ou apenas um trajeto, eu subi e me arrisquei na descida de 1.175 degraus a pé até a colina.




Minha primeira
superação, pois sou muito sedentária .

O cerro tem uma altitude de 1.454 , a cidade de Salta está a 1.187 por isso o cerro em relação a cidade tem 284 metros de altura, a mesma medida entre as estações do teleférico. 


Diário de bordo :   Day 1





Para acompanhar nossas viagens e atividades siga no INSTAGRAM - FACEBOOK




LOG BOOK : DAY 3/16 Expedição America

Nenhum comentário
Domingo dia 3/16 , iniciamos o nosso roteiro turístico .
Viajamos a noite toda , acordamos já em Salta.  Iniciamos com banho  no camping municipal  e  café no bus.


Isso , temos cafeteira e frigo bar no ônibus(chik sim ).

Em Salta , subimos no teleférico São Bernardo para apreciar a vista da gigante cordilheira dos Andes . Como superação , desci caminhando 1.200 degraus de escada com a maioria do nosso grupo.
Conhecemos um pouco da cidade e após o almoço nos deslocamos para o próximo ponto do roteiro ainda na Argentina. O trajeto já sinaliza oque encontraremos .

Uma cidade estilo faroeste encantadora .
Vou deixar os detalhes para um lindo post na volta.AQUI
Ficamos por lá até às 00:00
Para acordarmos na fronteira com Chile.


Assim encerramos Argentina.


Veja o dia seguinte :